InícioPortalGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Ter 19 Jan 2010, 5:04 pm

Capítulo 1 – Uma infância feliz

Era um dia normal e Payon, vendedores espalhados perto da kafra, grande movimento no centro, mas nada se comparando a Prontera, onde é considerado a Capital de Rune-Midgard, dois meninos e uma menina, estão planejando a “arte do dia”, o que irão fazer, apesar de que o pai deles proibisse, castigasse e batesse aqueles malandrinhos sempre esqueciam no dia seguinte, o pai um caçador nato, no momento se ocupava no cultivo de arroz, na juventude era considerado o melhor, mas cansado de arriscar a vida,resolve se acalmar na sua terra natal, apenas ao cultivo da terra. Mas os três peraltas, ou como era conhecido na cidade com os três pequenos capetas, o primeiro da turma era Rika, uma menina com aparência de moleque, mas seu cabelo liso e seu rosto angelical entregavam sua feminidade, era a mais empolgada e braba do trio, nunca falava sempre mandava, ou encarava sem medo as coisas, comparado aos meninos ela era um pouco mais baixa, o segundo é Shiro era um pouco mais alto e magro, tinha uma cara de preocupado, e odiava as ordens de Rika, mas sempre depois de reclamar fazia cegamente o que lhe foi mandado, tinha cabelos longos com rabo de cavalo, de certa forma parecia um com Rika, mas sua aparência masculina o entregava, Shiro era rápido em escapada e tinha uma ótima visão do perigo, e por ultimo Ryu, o mais animado, teimoso e lerdo da turma, o que deixava Rika totalmente nervosa, sempre o chamava de ambernite humana, Ryu era mais gordinho o que fazia parece um pouco maior que Rika, mas na verdade ele era do mesmo tamanho, não gostava de seguir a ordem da menina e sempre perguntava sobre as coisas, Rika sempre querendo ser sabia do grupo, inventava a resposta. Estavam os três embaixo de uma arvore, Rika estava concentrada em uma vitima, Ryu e Shiro estavam com matinho na boca deitado olhando para os céus, falando o que as nuvens se pareciam. Rika então explode e grita:

-Não agüento mais ficar paradaaaa!!! Vamos fazer algo!

-Já estamos fazendo estamos respirando, nosso pai não nos proibiu disso ainda - responde Ryu.

-É sua chata, mais uma idéia sua, papai vai nos castigar, bem que o castigo maior podia ser o seu, você sempre tem as idéias idiotas.

-Olha aqui Shiro, idiotas são vocês dois que ficam olhando para o nada!

-Estamos olhando para os céus, para sua informação!

-Da na mesma, Ryu!-Rika fala quase gritando- tive uma idéia que tal pegarmos uns bolinhos de arroz emprestado, humm?? O que vocês acham?
-Como que agente pega emprestado um bolinho de arroz? Perai com quem a gente vai pegar o bolinho de arroz?
-Com ele ali- apontando para o Servo, o vendedor de bolinhos, em baixo da cabana. No momento ele estava moldando seus famosos bolinhos, enquanto o pilão socava o arroz.

-Você deve estar louca, né Rika? Aquele cara vende por 200z!  E no momento não temos nada!

-Vamos pegar emprestado escondidamente! Pronto acabou ^^!

-Fala serio depois ela se acha a cabeça da família, vamos roubar, né.

-Seus tontos, vocês não querem ser bons caçadores, hein! Isto é um treinamento, um caçador deve ser esperto, furtivo e rápido! Ninguém deve vê-lo!

-Você tá falando de treinamento de caçador ou de arruaceiro?

-Acho que embarriga dela que tá falando no lugar do cérebro! Ryu e seus comentários às vezes irritavam a menina, no qual partia para agressão. Ela deu dois socos na cabeça dos meninos.

-Vocês vão agora me ajudar, ou ficar rindo da minha cara, seus patetas!

- Era só pedi com educação!-resmungou Ryu.

-Mais um plano, mais um castigo! Deuses tenham piedade de nós.

-Calem boca e prestem atenção, é o seguinte esta vendo o pilão! Aquilo vai será nossa missão, devemos por isto no pilão e bum -Rika mostra uma bolinha estranha.Sim é uma bomba de fumaça eu mesma fiz, Mas devemos esperar o Servo se distrair! É claro que a fumaça vai distraí-lo e neste momento Ryu vai e pegar uns bolinhos,já que ele vai estar mais perto. Ok entendido.

-Quem vai por a bomba lá, eu? Perai para de olhar assim para mim, Rika!

-Shiro, você vai querer comer né, então!

-Ryu vai distrair o vendedor e pegar os bolinhos!

-EU?!? Vai você , não é mais esperta!

-Sou eu vou dar o sinal para Shiro e você para mim !Eu tive plano,então decido o que é melhor!

-Ou pior! Respondeu Shiro desanimado.

-Toma aqui à bomba, Shiro e você Ryu pareça convincente e pegue o Maximo que der de bolinhos,ok!

 -Fácil falar, difícil fazer.
E lá foi Shiro perto do pilão e Ryu para o vendedor, enquanto Rika observava de longe.

-Ola senhor,é.... humm...hããã... seus bolinhos são bem vendidos né?

-Sim? Todos gostam! Disse o homem desconfiado.

-E...hãã...Então senhor da conta de fazer tudo sozinho?

-É garoto, as encomendas aumentaram muito, pois meu bolinho é melhor de toda

Rune-Midgard, modéstia a parte- o vendedor se gabou, achando que o menino tinha tomado juízo e queria um emprego.

Neste momento Shiro esperou a ordem certa de Rika, a menina acenou para ele e pôs a bomba no pilão e saiu correndo! Ryu percebendo que missão estava pronta. Mas de repente tudo fica escuro e falta ar. O vendedor e Ryu, começam a tossir sem parar.

- Moleque!!! coff - coff, eu tinha que desconfiar de vocês mesmo. Os três demônios coff-coff...

-coff- coff!opa! Ryu pega um saco estranho, achando que eram as encomendas de bolinhos e saiu correndo!

Ryu correu em direção ao feudo, um ponto estratégico de encontro que eles sempre marcavam, quando se separavam, lá eles se reunia novamente.Shiro chega com acara toda preta e Rika toda feliz.

-Falei meu plano deu certo, eu sou absoluta, sou demais!

-Abra logo isso Ryu! Shiro limpando o rosto na camisa!

-ok! Ryu abriu e havia várias bolinhas lá dentro.

-Ai não! Você pegou o remédio de intestino da mãe dele. Eu sei, mamãe fala que ele compra sempre para ela, pois ela tem problemas de gases! Ryu sua Ambernite humana!!!Rika esbraveja.

-Ai ! Que furada.Ai ai!- Shiro reclama.
De repente um grito:

- Peguei vocês moleques! O vendedor muito nervoso grita.

-Ai ! É uma cilada, Rika! Ryu fala.

-Moleques dos infernos, você vão ter que pagar pelo que fizeram, senão vou contar para seus pais!

-Tudo, menos isso! Disse Rika desesperada!

-Humm, Vocês mereciam uns castigos. Mas sei com vou resolver!
Momento depois o vendedor foi na casa dos meninos. E falou o que pretendia,como seria forma de pagamentos dos meninos. Trabalhos ! durante uma semana.

O pai dos meninos , quis pagar o prejuízo dos meninos comum saco de arroz também, mas o vendedor recusou, falou que a labuta dos meninos, já bastava.
A menina ficou encarregada de ajudar a fazer o arroz e lavar as coisas que sujavam. Shiro de buscar o arroz e escolher junto com a menina e Ryu das entregas! Eles não pararam um minuto, apenas quando dava horário de almoço!

-Viu Ryu! Muitas encomendas,né. Respondi suas perguntas sobre minhas vendas?

-E como! Tem mais entrega ! tirando e abrindo uma gigantesca mochila de bolinhos.

-Não perca tempo entregue isto para um homem! Ele esta na montanha ao sul aqui perto,treinando. Ele grande, forte e barbudo! Ele esta na montanha é único que estalá. Ele sempre medita lá perto! Já entreguei diversas vezes! Ele gosta que leve sempre 30 bolinhos toda a semana! Vá agora.

Ryu saiu olhando com olhar semicerrado para Rika. E ela o encarava, Shiro estava com a cabeça baixa. Indo em direção a montanha sul ,com os bolinhos. Havia um homem com uma espada oriental, com uma vasta cabeleira branca. E com um golpe corta uma pedra.

Ryu se espanta!E fica parado!

-O que quer garoto, estou treinando agora, saia ou você pode se machucar!

Ryu se aproxima do homem, com medo. Pois ele era gigante.

 -É ele... mandou-me vir no seu lugar, para entregar este ... bolinhos.

-Humm,Servo esta ficando cada vez mais folgado!Estou morrendo de fome, enjoei de carne de lobo e fumacento. Sentando no chão e pegando sua garrafa de saque.
Entregando os bolinhos para o homem gigante. O homem pede.

-Senta ai. Faça-me companhia para a refeição. Toma um! E joga um bolinho para Ryu.

-Bom reflexo! Quem é você!

- Sou...Ryu... filho de Myuka, o plantador de arroz.

-Ryu...Filho de um plantador de arroz! Humm! Disse comendo o bolinho.

-E o...Senhor? Quem é?

-Não é da sua conta, ainda?

O garoto fica meio sem jeito, e não sabia o que responder para o senhor.

-Garoto para seu próprio bem, é melhor num saber de nada!

-Humm! Fica meio sem iniciativa.

-Sabe lutar com espada?

-Não,prefiro arco!

-Sabe manejar um arco?

-Não sou muito bom, estou treinando.

-Não perca tempo, você é espadachim, não um arqueiro!

-Isso sou eu que sei!

-He He! Garoto,você não sabe de nada! Pode ir e fica com isso como recompensa! Dando para Ryu um pouco de zenny.

-Agora vá trabalhar!

-Obrigado,senhor não-sei-o-nome!

Ryu sai correndo pela montanha e senhor fica o observando lá de cima!

-Então este é o filho de Ryuzaki Yoshinaga! Lembra mesmo o pai!
Neste momento chega uma águia com um bilhete amarrado nas pernas!E pousa nos ombros do senhor misterioso.

-O que foi desta vez?

Águia apenas vira cabeça como de costume e senhor da um pedaço de carne e pega a carta,notou que ela tinha o símbolo real, ele a lê e guarda a carta.

-Ryu, agora você vai saber que é eu e quem é você!


No próximo capítulo Ryu e seus irmãos resolvem treinar para ser aventureiros e claro ganhar muito dinheiro e fama, o que será que vai dar isso Não perca esta empolgante aventura:

Capitulo 2 – Vida de Aprendiz


Última edição por Lorde Ryu em Ter 08 Jun 2010, 5:41 pm, editado 3 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rockstar
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 361
Idade : 25
Localização : Porto Alegre
Data de inscrição : 06/09/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Qua 20 Jan 2010, 4:46 am

Nossa otima hestoria mesmo!!!! Parábns
Cheia de detalhes,caracteristicas dos personagns...
Divertida mas mto misteriosa no final
Tem um sincronismo perfeito d começo-meio-fim
Agnt consegui até imaginar as cenas ^^

POR FAVOR NAUM ENCURTE A HESTORIA PQ ESTÁ PERFEITA Very Happy


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Morty Magnum
Agente Esmero
Agente Esmero
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 730
Idade : 21
Localização : Juno
Data de inscrição : 03/01/2010

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Qua 20 Jan 2010, 12:12 pm

Eu li \o/. Pra mim n ta grande n.Eu gostei \o/

__________________________________________________________________
PROPAGANDA
Semana que vem: Capítulo 3 de Bibliography of Magnum
Em breve: Memories of Magnum
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Qui 21 Jan 2010, 9:23 am

Vlw galera! E aqui como é diferente! Não se preocupe de fazer propaganda! apenas peço que façam fics ou detalhe o personagem! Mas lembre-se não transforme seus chares em Overpower( super mega poderosos e apelões) . Mas eles devem ser especias, não esqueçam tbm! ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Morty Magnum
Agente Esmero
Agente Esmero
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 730
Idade : 21
Localização : Juno
Data de inscrição : 03/01/2010

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Qui 21 Jan 2010, 1:13 pm

Sabe, como todo mundo aki sabe eu tenho um char na rekember, eu sei mto bem oq eh ser super mega poderoso e apelão

Exemplo:

Samuel Hopkins: [ * pega 12 e mata todo mundo * ]
Kagh: [ * Punho supremo de asura com dano em área * ]
Samuel Hopkins: [ * entra no f-15 e dispara missel termoguiado em Joe * ]

___________________________________________________________________________
Só pra vc ter uma ideia, isso aconteceu ontem, isso sim é ser OP
PS.: Isso acontece direto
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sab 06 Fev 2010, 11:19 am

Prólogo


Ryu passa sua infância de forma bem peralta com seus irmãos em Payon, aprontando uma tremenda arte com Servo, um vendedor de bolinho. Mas acabam sendo pegos e de castigo passam trabalhar temporariamente para o Servo, como forma de compensar o que fizeram. Mas Ryu no meio de seu trabalho conhece uma pessoa que poderá mudar sua vida para sempre.


Capitulo 2 – Vida de Aprendiz

Todos já tinham cumprido suas tarefas com o Servo, o vendedor de bolinhos. Este estava feliz com tanta ajuda proveniente dos meninos castigados, isso deu ao Servo mais tempo com sua família. Em agradecimento ele resolveu dar um pequeno pagamento aos meninos pelo bom serviço.

-Aqui molecada, por terem feito tão bem o serviço, tomem isso, vocês merecem!-Entregando uma pequena quantia de Zenny a cada um!- Confesso apesarem de serem um capetas, vocês fizeram bem o que lhe foi mandando!

-Fala serio! Ralamos que nem um cão- resmungou o Shiro olhando para sua irmã- A culpa foi sua menina!

-A Shiro não me enche, pense no lado bom ajudamos de coração o Servo, aprendemos quanto é importante trabalhar em vez de vadiar! Ao estilo Rika, sempre com uma falsa filosofia ordeira e grata de toda a lição aprendida com uma cara tão angelical que ninguém resistia, a vitima era o Servo, mas seus irmãos já sabiam do truque.

-O que? Foi você que mais reclamava mamãe quase não conseguia tirar você da cama, sem dizer que você ia pedir para o servo no pagar! - Finalizou Ryu, com sua palavras.

A menina ficou com uma áurea terrível, sempre odiava quando tinha um plano e os meninos intencionalmente punha tudo a perder. Socos foram distribuído na cachola de cada um.

-Ai! Não precisava bater em mim, poxa nem falei para o Servo que você comeu tanto bolinho de graça, que até enjoou! Denunciou o Shiro.

-Que ódio vou matar vocês dois.

Servo vendo aquela cena cômica dos meninos ficou rindo, mas não podia ficar perdendo tempo com eles, e apartou a briga e falou:

-Não se preocupem com bolinhos ou com qualquer outra coisa. Calma, tá tudo bem agora!

-Mesmo o Shiro ter quebrado tantos pratos e Ryu ter trocados a entregas no começo.

-Nossa menina chata, menina dos infernos, você fofoqueira acho que você filha do Satan Morroc , a mamãe te adotou bebê.- Shiro desabafou.

-A língua é maior que o cérebro dela -Finalizou Ryu.

-Garotos parem, agora! E ouçam vou pagar você, não importa o que erraram! Mas vocês aprenderam a lição, fazer peraltice é até divertido, mas ajudar os outros é melhor, pois trabalhar é mais significante do que algo tão assim, quanto fazer bagunça! Tomem 5000

Zenny para cada um!- Faça bom proveito deste dinheiro.

-Nossa que dinheirão. Valeu!- Disse Shiro feliz

-Valeu !- disse o Ryu

-Nossa quando precisar da gente pode contar comigo!- Rika respondeu.

Ryu percebeu que Rika queria ser agradável com o vendedor de bolinho enquanto Shiro foi repugnante com tal atitude, as preferiu ficar quieto , pois o cascudo ainda doía.

-Ok Garotos! Muito obrigado e fiquem longe de encrenca, ok.

O trio ficar longe de encrenca era algo tão impossível do que um poring roubar itens das pessoas que estavam caçando. E garotos foram para o ponto de encontro, e mais uma vez estava a planejar algo. Quando um caçador aparece com uma mochila cheia de coisas dentro e eles ficaram a olhar ele.

-Nossa quanta grana a gente ganhou- Ryu falou admirado e ignorando o caçador.

- Aposto que ele vai vender e vai ganhar uns 100 mil tudo o que tem. Bem mais do que a gente! 5000 a gente torra tudo em pouco tempo e ... Perai eu tive uma idéia! –Rika não conseguia ficar parada , em sempre era gananciosa, Ryu suspeitava que ela fosse uma ótima arruaceira.

- Mais uma idéia , mais uma confusão! Você não dá sossego, em Rika- reclamou Shiro- Vai matar poring.

-Bem não é poring que tinha intenção de caçar! Que salgueiro, gente!

-Humm, como assim?

-Sabe o que o Servo falou é verdade o trabalho é bem melhor do que ficar fazendo bagunça por ai! Que tal treinarmos e aprendermos a ser forte para que no futuro tornemos o trio Rika, hein. Os mais fortes de Payon, melhor de Rune-Midgard!

-Ai mais idéias! Você ta falando serio mesmo! treinarmos,vocês dois ainda são aprendizes!- Concluí Shiro.

Na verdade apenas Shiro era arqueiro, enquanto Rika e Ryu eram aprendizes, Rika havia ganhado uma main guache de aprendiz e uma túnica no campo de aprendiz e Ryu tinha ganhado uma espada, mas relutava contra o seu destino, queria se tornar caçador com seu pai de criação, Myuka.

-Ora mas temos mais coragem que você, é arqueiro e tem preguiça de treinar!

-Na verdade estou esperando vocês escolherem o que querem ser. Para ir em grupo com vocês- Ele sabia que os dois estavam confuso, Rika era muito impaciente para fazer o teste de arqueiro e Ryu indeciso sobre esta escolha. O que lhe dava mais tempo para curtir a infância que tanto gosta ao lado dos dois. Mas parecia que Rika havia lido a mente de Shiro:

-Então vamos crescer, gente! Vamos ver o que somos bons!

-Acho que você , seria uma ótima gatuna, Rika, é tão esperta! - Opinou Shiro.

-Não me insulte Shiro, não sou tão ruim assim!- Rika odiava que lhe chama-se disso.

-Mas Rika você pode ser gatuna e depois mercenário, hein? Não é melhor.- replicou Ryu, ele achava fascinante os Mercenário, ou Sins como eram conhecidos, eram fortes, rápidos e furtivos.- Então primeiro você faz o teste de gatuno e depois o de mercenário segundo o papai me falou.

-E desde quando vocês, acham que gosto de ficar escondida, quero ter fama!

-Vira Odalisca, hehehe e fica mostrando a pernas para os outros ! Hehehe- mais um comentário de Shiro.

-Ei , não me julgue tão vulgar menino! Apesar das odaliscas serem lindas, não quero uma legião de fãs apenas admirando minha beleza exterior, quero que admirem o que sou!

-Como se fosse tão bonita! Mais parece uma câimbra de cabelo liso!

-Hahaha! Pensa em uma câimbra odalisca é Rika. Até imagino o show e aiiii...-Ryu sendo engraçado como de costume.Mas Rika bate na cabeça dos dois.

-Vocês merecem viu, seu chatos! Nem venha seu arqueiro preguiçoso e seu Aprendiz indeciso!

-Ai que dor, olha que fala! Tá bom , num falei nada,menina! Ryu com medo de outro cascudo de Rika que esta olhava braba para ele.

-Então vamos! Vamos matar Salgueiros , vamos em casa pegar nosso equips, vamos a luta!


Em breve mais...

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão


Última edição por Lorde Ryu em Ter 08 Jun 2010, 5:47 pm, editado 3 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sab 06 Fev 2010, 11:33 am

...Continuação.

Chegando na casa, Shiro pegou seu arco e flechas de seu pai, Rika pegou todo seu equipamento de aprendiz e a túnica de iniciante e Ryu pegou seus equipamentos de aprendiz igual o de Rika, menos a túnica . Olhou para espada que havia ganhado, uma Alfanje de iniciante, pegou ela . Também pegaram algumas poções vermelhas e três poções de concentração. Colocaram em suas respectivas mochilas e partiram rumo a jornada. Toda estavam empolgados como todo o principiante , então foram o mais rápido possível, pois não agüentavam a ansiedade. Mas antes de saírem sua mãe os chamou.

-Meninos venha cá, tenho uma coisa para vocês.

-Ai mãe, estamos atrasados! O que senhora quer?- Reclamou Shiro.

- Vai ver é coisa de mãe, sabe né.conselhos!

-Isso mesmo não vão muito para o sul, ataque junto um monstro de cada, e ficou difícil ou galho seco, não enfrente corram, vocês são muito bebês ainda. Minhas coisas lindinhas, que belezinhas vão caçar pela primeira vez !

-Eu Sabia!

-Mas uma coisa acho que isso vai ajudar vocês.- Mostrou uma caixinha cheia de cartas mais variadas com desenhos de monstro e escrito coisa em baixo da gravura.

-Nossa mãe você vai nos dar esta caixinha toda?! -Rika pensou em vez caçar que tal vender.

-Nem pensar menina! Sei que você vai vender em vez de upar, conheço a filha que tenho, hum !- a mãe deles falou , e Rika fez uma careta engraçada.-peguem o suficiente para colocar nos seu equips, ok?

-Hum deixa ver mãe! Quero esta esporo, vou colocar na minha túnica!

-E eu quero esta lobo e esta múmia, nossa que bacana, Mãe! Quanta carta legal, nem sei qual eu ponho no arco, vou pegar essa Andre!- Shiro estava muito empolgado!

-E você Ryu, não vai pegar?

-Sabe mãe não entendo nada de carta, num sei joga isso!

-Quanta ignorância! - Rika criticou o Ryu.- não é para jogar é para colocar nos compartimento bobão, nas armas!

-Compartimento Bobão? O que é isso?

-Ele não sabe ainda Rika, calma!-Respondeu a mãe, sabia que Ryu era meio lerdinho e não pegava muita coisa no ar, tipo igual a Rika e Shiro.- Ryu as cartas são mágicas e elas possuem certos poderes que poderão ajudar vocês no futuro. Sabe este buraquinhos que tem na sua arma ou armadura, ou que seja, se chamam compartimetos, encaixe uma carta aqui e pronto! Mas um porem uma vez colocada nunca mais se tira!

-Hum que legal! Mas não tenho arma com compartimento, olhando para seu equipamento e a main gauche!- Ryu choramingou.

-A Ryu deixa de ser lerdo, ambernite humana! Sua alfanje de iniciante tem! Me da essa arma aqui.- Tomou a arma do Ryu e colocou uma carta injustiçada!-Pronto já que você gosta de mercenário, agora tem a laminas destruidoras deles, é isso que diz a carta!

-Rika sua tonta, é chance de dar! Essa coisas de tonto colocar carta sem entender o significado que me irrita, mãe! Saco e mais ai ...! Shiro toma um soco na cabeça de novo
-Se ficar me batendo vou acabar com as pots, caramba!

-Num enche, Shiro! Vamos então logo! Tchau mãe , obrigado pelas cartas!

-Valeu mãe! –Falou Shiro.

-Obrigado mamãe querida!- Ryu muito feliz da vida com sua carta!

Mas eles nem suspeitam o que iria acontecer em breve...

Em breve mais...

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sab 06 Fev 2010, 11:34 am

...Continuação.

Ele foram ao leste da vila de Payon havia muitos pessoas lá! Magos, espadachins , ninjas ,arqueiros e muitas principiantes. Os monstros variava de porings, salgueiros e esporos! Um prato cheio para aprendizes , ou principiantes! Só havia um problema muita, mas muita , mas muita gente mesmo, infestado o lugar de pessoas! Toda hora Rika brigava com outros por causa de estarem roubando seus itens e atrapalharem a luta, e que não agüentava mais aquilo!

-Que tal irmos nos lobos! Hein ?- Deu a idéia Shiro- Já que é para roubar itens e lutas, vamos trapacear, hehehe- nesta hora Rika faz uma carinha de mal.

-Ok, vamos nos lobos! Falou Rika como se a idéia você fosse dela.

-Foi o que eu disse!

Mas chegando lá havia o triplo de gente que havia no campo anterior. O que deixou eles irados!

-O que vamos fazer agora? Aonde iremos treinar? Quem poderá nos salvar!

-Eu!!!- Rika grita para Shiro- Eu tive uma idéia, que tal irmos nos Peco pecos?

-Onde fica isso menina?-indagou Shiro

-Fica ao leste do feudo! Lá tem muitos pecos! Vai ser fácil para nossa armas carteada e turbinadas! Hehehe!

Por momento eles concordaram com a Rika, pois eles estava se achando com suas cartas novas. Sem dizer que o local onde eles estavam insuportável de gente.E rumaram ao novo lugar de caça.

Chegando lá havia algumas pessoas, mas estava tudo bem. Mas Ryu sentiu algo estranho.

-Os bichos aqui não é difícil?

-Sabe, Ryu.-falou Shiro- Se atacarmos em grupo, será mais fácil, mas lembre não deixe eles acumalarem em bandos, ou seja , vamos atacar só um Peco Peco, afastado do bando, ok! Se eles verem que estão atacando um deles, eles atacam tudo junto ai é difícil, para nos!

E atacaram um Peco, separado do Grupo, foi difícil. Ryu aguentou, mas foi com main gauche,

Ryu não gostava da espada, achava a desajeita e lenta. Rika ajudava atacar e quem dava o maior dano era sempre Shiro a distancia. Fizeram umas cincos vezes esse procedimento, e sentiram que estavam até mais forte!

Então sentaram no chão para descansarem um pouco. Rika olhou para Ryu, e achou que ele que era muito forte e tinha muita energia, pois estava tankando praticamente sozinho o Peco Peco.

-Ryu, Sabia que os Pecos Pecos, são as montarias do cavaleiros e dos templários.

-Humm.

Enquanto Shiro bebeu um pouco de leite, falou para Ryu:

-Ryu, você seria um bom cavaleiro, você aguenta bem levar porrada! Acredito que ele mate sozinho o Peco, mas tem que usar a espada.

-Ryu é muito lerdo mesmo, por isso agüenta levar pancada, hehehe! Mas você nem usou a alfanje carteada!- Rika reclamou- Usa ela poxa!

-Ta bom eu uso!- Sacou espada e partiu para cima de um Peco Peco- Quem apanha de você agüenta qualquer monstro, sua chata!

-Seu tonto usa a poção de concentração, já que vai bater sozinho.- Falou Rika.

-Ok esta bem! – Bebeu a poção, soltou um suspiro e partiu para cima da ave.

Shiro preparou o arco caso Ryu não agüentasse, a luta foi difícil, mas Ryu estava agüentando, os danos estavam igualados, até que um momento as espada do Ryu Tremeu e Ryu soltou uma habilidade estranha, sua espada parecia que tinha vida própria e retalhou o Peco em instante. Ele ficou impressionado com a habilidade.

-Nossa! Vocês viram!

-Mandou bem Ryu! Manda vê nestas Galinhas Gigantes!

Ryu atacou um Peco Peco, mas não notou o bando que se escondia atrás das arvores.

-Opa! Nossa quanto pecos, agora juntou muito! Ai! – Enquanto levava muitas bicadas.

Rika gritou:

-Ryu corre, são muito Pecos contra nós.

E lês correram, mas o Pecos não desistiam de correr atrás deles. Até que eles pararam em lugar sem saída, o jeito era lutar. Shiro e Rika beberam a suas poções de concentração. E perceberam que o único meio era lutar. Mas não notaram que Ryu ficou para trás. Encarando o Bando com sua espada.

-Fujam logo! Vão procurar ajuda! Eu tanko eles! Vão!

-Não Ryu! Toma cuidado! Rika começou a chorar!

Então Shiro começou a disparar varias flechas , mas não era rápido suficiente, alguns Pecos tombaram, mas continuava a bicar, o pobre Ryu, que lutava bravamente contra todos, a laminas destruidoras, funcionou duas vezes, mas neste momento o aprendiz tanker estava no limite das suas forças e suas poções no fim, ele estava para tombar e
Rika não para de gritar!

-Ajuda A gente ! Ajuda o Ryu ! Pelo amor de Odin!

Ryu tomba no chão havia derrubado três Pecos , no limites das suas forças, então os Pecos olham para Shiro e parti para cima deles, uma das aves era bem mas rápida e grande e pula em cima de Shiro. Mas movimento muito rápido pula em cima do peco e o derruba com apenas um golpe. E rapidamente solta uma rajada de vento que corta todos os Pecos Pecos.

Admiravelmente um senhor forte e barbudo aparece na frente dos meninos e com uma espada oriental oriental apoiada nas costas, e olhando com os cantos do olhos para eles.
-Tinha que ser os três capetas mesmo...Humf!!...

O que esperam mais sobre esses garotos, em breve saberão...

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão


Última edição por Lorde Ryu em Qua 09 Jun 2010, 3:27 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Eddie Yagyu
Membro recruta
Membro recruta
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 152
Localização : Ash Vacuum - Cratera
Data de inscrição : 26/01/2010

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sab 06 Fev 2010, 12:54 pm

Morty gostou pq num é minha, se fosse IA PROCURAR UM JEITO DE ESTRAGAR TUDO '-'
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sex 19 Mar 2010, 6:25 pm

Prólogo


Os três meninos ansiosos e ambiciosos tentam a sorte como aventureiros novatos nas redondezas de Payon. O que era para ser um simples treinamento acaba com Ryu arriscando sua vida, mas no exato momento chega um velho misterioso para ajudá-lo.


Capítulo 3 – Nada será como antes

Os meninos olhavam assustado para o sujeito barbudo e truculento que estava carregando Ryu inconsciente nas costas, sem coragem de encará-lo diretamente, depois daquele golpe devastador no Peco, os meninos ficaram admirados com um homem tão forte e que ele pretendia fazer com Ryu, até que Rika quebrou o silencio:

-Ei o que vai fazer com meu irmão?

-Não achava melhor me agradecer, seus mal agradecidos!-Resmungou o velho estranho.

-É obrigado, senhor! Mas para onde vai levar Ryu?- Shiro amenizando a grosseria da irmã.

-Vou levar ele para sua casa, não vê que ele esta machucado? Obvio que vocês moram em
Payon, isso eu sei!- respondeu ao Shiro.

Chegando a Payon, a cidade estava com vários mercadores e os grilos cricrilando, o velho parou na entrada da cidade e perguntou:

-Onde é casa de vocês?

-Até parece que vamos contar onde é nossa casa para um estranho!- Rika teve coragem e encarou o velho.

-Um estranho que salvou o seu “irmãozinho”- Respondeu velho.

-Ora senhor, sou agradecida por ter salvado meu irmão, mas nem sei que é o senhor, alem do mais o resto do caminho nos levamos ele, muito obrigado. – Ele começou a chegar perto de Ryu, mas olhar do velho era serio demais, Rika não gostava daquela situação sabia que todos levariam uma baita bronca por desobediência, o único caminho era mentir, porem o velho ia por tudo a perder.

-Quero entregar seu irmão pessoalmente ao seu pais, me digam logo, não vê que seu irmão está mal? – velho mudou o tom de voz, para educado, mas foi mais uma ordem do que um pedido.

Neste momento Shiro olhou para a irmã de depois para o velho, tentando entender o porquê da relutância do velho em querer ir a casa deles, e porque o velho o ajudou, também temia pelos machucados do irmão, não hesitou e falou:

-Ok, Rika! Esse cara salvou nosso irmão, o porquê faria mal a nossa família, nossa casa fica logo ali, vem, é só no seguir!

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão


Última edição por Lorde Ryu em Qua 09 Jun 2010, 3:10 am, editado 7 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sex 19 Mar 2010, 6:28 pm

...continuação

E foram caminhando até uma casinha simples quando chegaram perto dela viram a mãe que estava estendendo a roupa no varal e pai estava sentando no banco de madeira em frente a casa, depois de um dia difícil no campo, mas os pais quando olharam para os dois garotos acompanhado pelo senhor, espantaram-se, em poucos segundos perceberam que o velho carregava algo nas costas, era Ryu. E foram correndo em direção a eles desesperadamente.

-O que aconteceu com nosso filho? Pelo amor do Deuses, ele esta bem?- A mão foi logo gritando.

-O garoto esta bem, só esta um pouco inconsciente, quis dar uma de paladino redentor e acabou levando uma surra dos Pecos Pecos.

-Pecos Pecos! – Os pais falaram em juntamente.

O pai logo pegou o filho das costa do senhor e levou para casa, mas o senhor continuou andando em direção a casa, e meninos ficaram preocupados com a situação ia ficar feia para eles no momento.

Puseram Ryu na cama, a mãe começou a procurar a folha de yggdrasil que tinha guardado para situações de emergência, junto com gases, ervas e outros medicamentos. Enquanto o pai olhou para o senhor seriamente, o encarando, tentando deduzir o que havia acontecido, mas logo percebeu o que era e falou:

-Você os salvou né, meu senhor? Sou eternamente grato por ter salvado meu filho! Infelizmente eles são muito danados e difícil o dia que eles não entram em confusão.

-Filho? O Ryu? Vocês não contaram a ninguém a verdade sobre ele?-O velho procurou um lugar para sentar, até que achou uma cadeira e se acomodou- Até quando vão esconder dele?

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão


Última edição por Lorde Ryu em Sex 19 Mar 2010, 6:33 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sex 19 Mar 2010, 6:29 pm

...continuação.

-Do que você está falando do meu irmão? Como assim “verdade sobre ele”?-Rika não agüentou a curiosidade e acabou até mesmo esquecendo-se do castigo, que tanto temia.
Os pais se olharam, e abaixaram os olhos, sabiam que este dia ia chegar. Mentir para que pensasse o pai, talvez fosse tolice. Mas a mãe pensava diferente, ela considerava Ryu como um filho, o criou desde a morte de sua irmã, sabia que deveria lutar por ele, até mesmo mentir.

- O senhor deve estar confundindo, há vários Ryus na vila! Este é apenas nosso travesso filho!

-Mulher, não minta para mim! Sei todo a verdade, antes de vocês pensarem em nascer!

-Este é filho de Ryuzaki Yoshinaga, o grande mestre relâmpagos de Amatsu! E este garoto é cara dele, nem um milhão de anos, eu me enganaria sobre isso!- O velho fitou a mãe, mas vendo que acabou sendo grosseiro, tentou se redimir, lembrou-se que eles eram humanos eram apegados uns aos outros- Me desculpe, tenho péssimas noticias e novas também, coisas irão mudar sua família, vocês tem saquê ai?

-Temos saque, Rika, por favor, peguem aquela jarra ali, perto do armário! Mas me diga senhor, é algum subordinado de Ryuzaki? E porque está aqui em minha casa?

-Eu subordinado de um mortal? Hahaha. – começou a rir, mas novamente se sentiu arrogante, sempre se esquecia da ignorância dos humanos. - Na verdade sou Beelzebuu, descendente do povo Dragão, é Ryuzaki foi um grande homem, o melhor que conhecia, foi o único que conseguiu me derrotar, mas tenho que contar o motivo de minha vinda!

- Que é Ryuzaki, mãe?- Perguntou Rika curiosamente enquanto levava a jarra de saque e dois copinhos para cada um dos dois homens, seu irmão apenas olhava quietamente.

- Quieta menina, é papo de adulto, depois teremos aquela conversinha!- Disse a mãe cuidando dos ferimentos do meninos, e interferindo a menina intrometida.

-Vou ser direto e não gosto de enrolar! Ryuzaki morreu misteriosamente em combate e agora este menino corre serio risco de vida! Mas o que me deixa mais intrigado, como o pai dele morreu, Ryuzaki era o mestre Iajutsu *, era incrível e veloz com a espada, pela mãe Tiamat, nesta terra sei sobre muitas verdades, mas isto não compreendo nada!- O velho começou a se abrir- Por isso temos que fazer algo para o bem de vocês e para o bem do garoto!

-E o que seria?-Perguntou o pai.

-Vocês devem entregar o garoto aos meus cuidados e vocês devem se mudar a daqui, sem deixar vestígios!- Advertiu o velho.

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sex 19 Mar 2010, 6:31 pm

...continuação.

-Mãe não quero me mudar daqui, Muito pior separar do Ryu, ele é meu irmão, por mais que diga que ele não é meu irmão. - A menina começou a chorar.

-É pai, a gente é uma família!- Nesta hora Shiro se manifestou, não queria mudar, não gostava de mudanças.

-Meninos entendam a real circunstâncias dos fatos, vocês correm perigo, Ryu é filho de um grande espadachim e tem linhagem real de Amatsu, seus inimigos não irão poupar a vida qualquer que esta junto com Ryu. Então sejam racionais, sei que vocês são crianças, mas a vezes temos que tomar metidas drásticas, para bem de todos.- o velho sentiu pena dos meninos, uma coisa que sempre admirou nos humanos era esse apego que tinha um com outro, em momento difíceis eles se juntavam.

-Mas não quero separar de Ryu, Buaaa?- A menina começou chorar mais ainda.

-Não se preocupe de vez, enquanto vou trazer ele para vocês se verem, ele vai viajar comigo, e não para outro mundo!-O velho tentou amenizar a situação, sabia que não era verdade o que dizia, mas a vezes era preciso mentir para crianças.

Neste momento a mãe dos meninos apertou uma folha de yggdrasil, na direção do menino e ele começou a ter consciência dos fatos. O Beelzebuu olhou para o garoto, mas o garoto nem percebeu a presença do velho e começou a falar:

-Nossa quase fui morto, por um monte de galinhas gigantes, mas na hora um dragão me salvou, eu vi era enorme e com apenas uma baforada torrou todos eles, vocês precisavam ver e. - percebeu que sua excitação em contar a estória estavam com outro olhar.- O que foi?

-Ouça o que este senhor tem a te dizer, Ryu- disse o pai.

Ryu olhou e reconheceu aquele senhor, era aquele que havia comprado bolinhos de arroz na montanha e perguntou?

-O senhor aqui? O que tem para falar para mim?

O velho suspirou e disse ao garoto, não quis fazer rodeios, então logo disse:

-Você é filho de Ryuzaki Yoshinaga, o grande mestre relâmpago, descendente real da família de Amatsu! Sei que é difícil compreender tudo isso de uma vez, mas um dia descobrirão que é você, e não hesitarão em matá-lo, você e sua família toda.

O garoto ficou admirado com tanta informação sem palavras, não sabia o que dizer.

-O pai dele me ensinou uma técnica, ele era Ryuzaki Yoshinaga, mas agora ele esta morto e como ultimo pedido ele me falou para treinar seu filho, ao qual manteve escondido e protegido com vocês. Por isso a pensão que ele os pagavam pelo o menino, acabou. Pois agora ninguém deve saber deste garoto, por isso para o bem dele o protegerei e o treinarei com minhas técnicas, e é claro a técnica que de seu pai, pois ele é mais dignos de todos de aprender. Mas quer saber meu nome? Garoto me chamo Beelzebuu.
Então põe as mãos nas costas do garoto e partir rumo ao mundo com ele. -Ok, se é verdade o que diz senhor, quero ir então! Mas juro que vou ficar forte e voltar para proteger a todos da minha família!

Todos ficaram triste com a decisão do menino, mas era o melhor a se tomar, mas foi decidido. Rika e sua mãe iria passar os dias de semana em Prontera, com sempre a mãe vendia itens na cidade, o pai ficaria com Shiro em Payon mesmo, trabalharia no campo e ensinaria ele a ser um bom caçador e Ryu partiria com Beelzebuu em proteção e com finalidade de treinamento.

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão


Última edição por Lorde Ryu em Qua 31 Mar 2010, 5:45 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sex 19 Mar 2010, 6:32 pm

...Continuação.

Os garotos se reuniram mais uma vez, triste um olhando para o outros, Rika não parava de chorar por causa da mudança repentina.

-Não chora Rika, sempre vou te visitar e seu irmão também mais ainda!-Ryu pôs a mão no ombro da menina.

-E se você não voltar mais Ryu, e meu irmão também!- A menina estava com a cara vermelha e molhada!

-É claro que vou voltar, prometo que vou ficar forte, mas você também deve ficar! Este vai ser o nosso juramento, todos devem ficar forte, Ok, me prometam isso!

-Eu prometo Ryu serei bem mais forte!- disse Shiro fitando Ryu.

-E você, Rika?- Ryu olhou para ela.

-Sim, Buaaa, snif!- disse a menina chorosa.

-Então para de chorar minha irmãzinha do coração e você me grande irmão.

Ryu foi ao encontro dos seus pais, ou melhor, seus tios que cuidaram com tanto carinho e amor, os abraçou calorosamente, depois pegou a mochila e foi em direção de Beelzebuu.

Então o velho disse á Ryu:

- A partir de hoje você se chama, Lorde, ok! Lorde Ryu. Não é um só um titulo, é seu nome, pois deve ser forte como um. Mas não esqueça sua linhagem passada Yoshinaga.

E ele para partirem e foram sem olhar para trás.

* O Iajutsu é a arte de vencer antes mesmo de desembainhar a espada
transcende a luta e alcança um estado de arte, um caminho para a perfeição a ser trilhado por todos que buscam autoconhecimento e equilíbrio.

O Iajutsu lida diretamente com a espada. É composto por katas (seqüencias de movimentos) originados na época dos samurais e que ensinam como desembainhar a espada e vencer os oponentes.

...Em breve mais.

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão


Última edição por Lorde Ryu em Qua 31 Mar 2010, 5:41 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rockstar
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 361
Idade : 25
Localização : Porto Alegre
Data de inscrição : 06/09/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sex 19 Mar 2010, 11:23 pm

Nossa Kem diria que akele velho era descendent do povo dragão o.o'' Kero ver agora Ryu (vc) no treinamento kkkk o Beelzebuu naum vai pegar leve já q n eh humano kkpokspskposkpos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Morty Magnum
Agente Esmero
Agente Esmero
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 730
Idade : 21
Localização : Juno
Data de inscrição : 03/01/2010

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sab 20 Mar 2010, 9:23 am

Legal espero a continuação.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sab 20 Mar 2010, 12:54 pm

Vlw galera ! obrigado pela atenção , em breve tem mais!
Tbm quero ler a fics de vcs!!

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Morty Magnum
Agente Esmero
Agente Esmero
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 730
Idade : 21
Localização : Juno
Data de inscrição : 03/01/2010

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Dom 21 Mar 2010, 7:21 am

A minha vai sair hj msm.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Sab 15 Maio 2010, 3:48 pm

Capítulo 4 – O caminho da Espada.

Lá estavam eles caminhando pelo deserto, rumo ao norte, um homem grande e barbudo
junto com um pequeno menino aprendiz suado e ofegante, que não agüentava mais
caminhar. A ultima vez que o garoto tinha caminhado tanto, foi com seu pai e seus irmãos, aliás, tio e primos como havia descoberto há pouco tempo, indo com eles para Alberta. Mas foi uma viagem agradável, com acampamentos, estórias, enfim muitas paradas e muito mais fresco que aquele lugar. Mas esta caminhada estava o deixando mais ainda era entediado. Até que ele se manifestou:

-Para onde vamos? E quando chegaremos?

O velho hesitou em falar, apenas soltou um suspiro rápido e mal humorado, mas percebeu

que se não respondesse o garoto repetiria a pergunta.

-Vamos para Izlude! É lá que se começa a ser espadachim, na guilda dos espadachins.

-Mas nem sei se quero ser espadachim?- O garoto respondeu com um desânimo- É

verdade, nem sei se tenho vocação para isso!

O velho pensou, fez um pequeno gesto com a boca e engoliu a saliva que estava na sua
boca e disse:

- Neste momento você não sabe ainda o caminho, por isso vou te guiar para ficar mais
clara esta futura escolha sua. Lembre-se “Temos que esperar andando e não esperar parado”. Mais alguma pergunta boba ou “choradeira”? Agora só abra a boca para falar coisa uteis, ok!

O garoto percebeu que aquilo não foi uma pergunta, nem mesmo uma sugestão, foi uma
ordem mesmo. Ele resolveu ficar quieto e se distrair com alguma coisa, que tal as nuvens ele pensou, era um dos passatempos que fazia com seus primos, reparou que uma nuvem tinha formato de esporo, e depois começou a se desmanchar, como era engraçada a discussão de Shiro e ele com Rika, pois ambos adoravam perturbar a menina que possuía um pavio curto. Bons tempos aquele, ele estava recordando e sonhando acordado.Quando de repente esbarra no velho e cai no chão. Este para do
nada e fica observando. Enquanto do lados deles, dois lobinhos estavam brincando de dar mordido um no outro.

-Presta atenção moleque!

-Desculpa! Mas você para do nada... Pelo menos podia avisar que ia...

-Já estamos chegando a Izlude! Olha o Castelo de Prontera lá de longe!- Interrompendo o

Ryu, enquanto estava reclamando.

Na Verdade o velho havia parado porque havia sentido algo ruim, mas ignorou. Enquanto Ryu parou e forçou a vista e conseguiu ver a pontinha da torre do castelo de Prontera, ficou animado, mas percebeu que seu destino era Izlude, o que tinha haver Prontera? Iriam comer descansar ou pelo menos parar a caminhada lá?

-Ei o que vamos fazer em Prontera?

-Oras garoto! Usei Prontera como referência. Que estamos próximos da cidade de Izlude, aprenda a usar o cérebro, raciocínio por si mesmo! E lembra que te falei, sem pergunta idiotas!

-O velhote chato!- saiu resmungando com a cara feia e com os braços levantados e com as mãos entrelaçadas na nuca.

-O que foi que você disse? – Em tom mais bravo, Belzebuul perguntou.

-Nada! Nada não!Tsc, que saco!

Passando alguns minutos a vegetação havia e os bichos também. Havia vários porings,
drops, lunáticos pulando para lá e para cá. Ryu começou a se animar, e começou a pensar consigo que aquela mudança só podia significar uma cidade próxima, Izlude. E viu uma pequena agitação de espadachins, magos, aprendizes e outros correndo em direção contrária deles. Ryu não agüentou a curiosidade e quando ia perguntar foi interrompido por Belzebuul.

-É galho seco com certeza!- Olhou para o garoto, e viu um olhar de dúvida- Vai me dizer
que num sabe, que o galho seco tem poder de invocar criaturas agressivas para atacar
qualquer um que encontre pela frente?

-Não! Eu sei o que é um galho seco. O que me pergunto o que será que saiu dele, para
todo mundo sair correndo deste jeito?

-Nada muito forte! Pois se não viríamos cavaleiros, bruxos e outros correndo também.

Ryu sentiu medo na espinha, para ele era algo temível, geralmente em Payon sempre
soltava esses monstros de dentro do Galhos Secos havia vários guerreiros corajosos que
lutavam contra, mas ali só havia o velho e ele. Reparou que o velho nem ligava, era como se fosse matar um poring.Não demorou muito e avistaram um ser grande e corpulento com chifre, segurando escudo enorme em uma mão e na outra uma dantesca espada, parado na ponte, a ponte para Izlude. O monstro estava obstruindo ela. O velho sorriu, na verdade gargalhou alto.

-Por Tiamat, hahaha! Um desafio muito fraco este, ele é um cavaleiro sanguinário, Ryu!

Garoto fica ai e observa, o que o poder da espada pode fazer!

E velho foi andando em direção vagarosamente até o grande monstro, enquanto este foi
dando passadas que tremiam o chão, gritava ameaçadoramente em direção a eles,
tentando intimidar o Belzebuul, mas este nem demonstrava emoção. Chegando a uma
distância de um metro um do outro. O monstro demoníaco resolveu atacar primeiro, mas rapidamente o velho sacou sua espada e aparou o golpe da espada gigantesca da criatura, o que causou um pequeno estrondo, fazendo uma pequena ventania em volta dos dois, movimentando os longa barba e cabelo do velho para trás.

-Ryu! Veja o que te ensinarei! Veja o que pode se tornar!Este é o verdadeiro caminho da Espada!!!! IMPACTO FLAMEJANTE!!! AAAaaah!- O velho grita empurrando o Cavaleiro Sanguinário com sua espada, jogando-o para trás, o monstro desequilibra, mas não cai e passa encarar o velho com sua cara demoníaca, estranhando a situação.

O Belzebuul ergueu a espada para o alto, e Ryu nota que ela começa a ficar vermelha,
cada vez mais vermelha, e de repente a o velho corre em direção ao monstro e explode um golpe de espada que mais parecia um pequeno vulcão em erupção. Havia sido um estrondo mais alto que o golpe do monstro havia dado, surgiu junto com uma nuvens de areia, que impede a visibilidade do lugar por alguns instantes e de repente onde havia um cavaleiro sanguinário, só há um borrão negro no chão. O menino ficou boquiaberto com aquela demonstração, não só ele, mas varias pessoas que estavam escondidas.
Começaram aparecer e admirar a luta que foi resolvida em instantes. Em pouco tempo
varias pessoas ficaram em volta do velho:

- O senhor é demais!- Um mercador gritou.

-Parabéns! Foi apenas um golpe!- Outro disse.

Em poucos segundos havia um monte de gente gritando e apontando para o Belzebuul, Ryu ficou todo orgulhoso. Mas o velho nem ligou e continuou andando em direção a cidade.

-Vamos! Você ainda vai se inscrever para teste espadachim e virar um, moleque!- Gritou o velho, mais alto que a multidão eufórica.

Ryu saiu correndo atrás do velho, enfiando-se no meio das pessoas e as empurrando-as
com força para abrir caminho. Ele queria ficar ao lado do mestre, que até aquele momento era apenas um estranho, mas depois daquela demonstração de força ficou admirado. Ele já havia visto uma luta contra aquele tipo de monstro, vários espadachins, arqueiros, cavaleiros e outros para deter aquele demônio, mas o velho extinguiu aquela ameaça com apenas um golpe, sem dizer que deteve o golpe dele facilmente.

-Nossa como fez aquilo? Eu vou aprender também? O senhor é incrível?!

-Calma menino! Você vai aprender isso com tempo, neste momento você tem que
aprender a usar a espada pelo menos. - Respondeu o velho. Enquanto entravam na cidade de Izlude.

Ryu ficou muito emocionado com a luta, sentiu-se motivado! Queria se tornar igual ao
velho. Nem parou para ficar reparando na cidade que era pequena, mas bela. Havia uma Kafra uma risonha e poucos comerciantes. O menino não agüentando a ansiedade
perguntou:

-Onde fica a guilda dos espadachins, Belzebuul! Vou fazer o teste agora!

-Que milagre! Pensei que você ia querer descansar, comer qualquer outra cois...

Interrompendo o velho, o menino falou com uma voz alta e segura:

-Agora eu sei o meu caminho!- Ergueu a espada em direção reta- Lembra do ditado

“Esperar andando e não esperar parado “- E o menino levantam a cabeça e fecha os olhos caminhando para frente, até que tropeça sem querer em uma pedra e cai com a cara no chão.

-Hehehe! Mas para isso deve mais lutar do que sonhar, garoto! E prestar atenção nas
pequenas coisas! Vamos, levante jovem futuro espadachim!

E garoto levanta passando a mão no nariz e resmungando e alguns instantes ambos
entram na guilda do espadachins.

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão


Última edição por Lorde Ryu em Qui 17 Jun 2010, 2:43 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
VGS
Membro recruta
Membro recruta
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 222
Idade : 22
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 23/03/2010

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Seg 17 Maio 2010, 1:03 am

Otima fic Ryu parabens
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Morty Magnum
Agente Esmero
Agente Esmero
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 730
Idade : 21
Localização : Juno
Data de inscrição : 03/01/2010

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Seg 17 Maio 2010, 1:05 pm

Bem legal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Seg 17 Maio 2010, 4:34 pm

vlw gente! em breve mais !^^

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rockstar
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 361
Idade : 25
Localização : Porto Alegre
Data de inscrição : 06/09/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Ter 18 Maio 2010, 1:05 pm

Muito boa Ryu!

Espero o proximo capitulo! continue escrevendo!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorde Ryu
Membro Veterano
Membro Veterano
avatar

Número de Mensagens : 497
Idade : 37
Data de inscrição : 03/06/2009

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Qui 20 Maio 2010, 4:12 am

Capitulo 5 – O primeiro passo do espadachim- Parte 1

O menino entrou na guilda junto com seu Mestre Belzebuul, havia alguns aprendizes esperando também para o teste para espadachim, uns estavam conversando, outros treinando golpes com seus alfanjes de aprendiz e até outro cutucando o nariz no canto. Então, Ryu aproveitando seu momento de entusiasmos disse para o Senhor Espadachim, que era um sujeito mais velho com uma barba tão loira quanto o próprio cabelo.

-Ola quero me inscrever no teste de espadachim!

-Seja bem vindo, a nossa Guilda amigo, qual é seu nome?-Disse o senhor olhando alegremente para o jovem.

-É Lord.. Ryu, ...- Estava tão emocionado que acabou soltando o nome que o Belzebuul, havia lhe dado, sentiu um pouco de vergonha por ser tão exibido.

O Senhor espadachim suspirou e de uma larga risada:

-Não se preocupe a garoto, conheço cada nome estranho, que este, é apenas um nome ambicioso.

-Ryu, não tenha vergonha do seu nome, nem o que você é, lembra o que te falei?-Disse o velho encarando o senhor espadachim.

-Na verdade é Lorde Ryu Yoshinaga- Disse o garoto olhando para a cara do mestre.

-OK, “Lorde Ryu, esteja preparado em breve vou chamar você e outros meninos para fazerem o teste junto, pode se preparar ou ir lá fora tomar um ar”

-Ok, senhor.- fechando os olhos, com aquela sorriso que só Ryu sabia dar.

O garoto olhou para seu mestre, mas este já havia saído, sem ao menos avisar aonde ia. Para ele foi normal, o velho era bem calado e ranzinza mesmo. Ele foi indo em direção ao sofá, quando de repente, os dois garotos que estavam se digladiando, parou na sua frente.

-Ei moleque, alias “Lorde Ryu”. Você se acha né?

-Como é, não entendi ?

O dois aprendizes encrenqueiros olhou um para o outros e começou a balançar a cabeça, em sinal de negativo. Um deles era um pouco maior do que um aprendiz normal, era mais robusto com feições mais grossas, como nariz de batata e lábios grandes, mas possuía uma cabeleira loira e lisa, outro menino era grande porem menor que o encrenqueiro loiro, pois não era robusto, tinha cabelo negro e uma franja caído nos olhos, o que lhe fazia olhar para pessoas com seu nariz pontudo empinadamente.

-É garoto, se enxerga! Acha que algum rei lhe deu um titulo? Aposto que foi o Vovô dele que deu esse nome, hahaha! – O garoto grande e loiro falou com desdém.

-Com esse nome acho que foi a vovozinha, dele que deu! Hahaha!- O outro garoto completou e que vários outros espadachins começaram a rir junto.

Ryu em um acesso de raiva impulsiva falou.

-Vê se não enche o saco, cabeça de poring! Ainda hoje vou ser espadachim e você e seu amigo ainda serão aprendizes!

-Aé, garoto babaca! Primeiro o máximo que chegamos é a ser cavaleiro e segundo serei o primeiro a chegar e ser espadachim neste teste, duvida?

- Na verdade para você já foi um máximo se tornar um aprendiz e segundo lugar se contar de trás para frente, você pode ser o primeiro mesmo.

Mais meninos começaram a rir, mas o aprendiz grandalhão fechou os punhos e começou a partir para cima de Ryu, que este também se preparou para a briga, sabia que ia apanhar, mas fazer o que? Eles havia provocado, não ia deixar barato. Os aprendizes percebendo a briga, começaram a gritar em coro e repetidamente “Briga! Briga! Briga!”. Mas um grito forte de guerreiro, sai de trás do balcão onde havia um Senhor Espadachim legal e risonho, agora havia uma pessoa braba e enérgica :

-Garotos! Se comportem, ok! A arena de Izlude fica mais para cima! Aqui vocês tem a finalidade de se tornarem espadachim e não encrenqueiro, ser for para virarem bagunceiros podem ir embora. Então fiquem quietos,pois em 10 minutos os chamarei, ok!
O homem voltou seu olhos para o livro de registro. O meninos ficaram menos agitado e ignoraram a briga. Mas o garoto encrenqueiro virou para Ryu e disse:

-Lá dentro a gente resolve, babaca!

-Vamos ver, então!- Desafiando o menino encrenqueiro.

Aquela situação era muito chata, mas Ryu estava acostumado com confusão, juntos com seu irmãos, a como seria bom se eles estivessem aqui. A garoto vendo que os meninos briguentos não parava de encará-lo, resolveu da uma saidinha para tomar um ar e aproveitar e procurar seu mestre.

E começou a andar pela pequena cidade, quando reparou em um espadachim que treinava assiduamente em boneco de treinamento. O espadachim era forte e loiro, portava uma espada e um escudo. Tinha golpes rápidos e certeiros. E Ryu ficou a observá-lo, mas o espadachim loiro reparou no aprendiz que o observava.E resolveu conversar com ele:

-Ola, Aprendiz? Vai virar espadachim hoje? – perguntou o espadachim loiro, enquanto fincava a espada no chão e retirava o escudo do braço.

-Vou sim! Quero ser o melhor de todos!- Respondeu animadamente.

-Hehehe, Este é caminho! Qual é seu nome?- Jogando o seu escudo no chão, e tomando um bom gole de água do cantil.

-Meu nome é Ryu, Lorde Ryu- Garoto hesitou em falar, mas lembrou das palavras do velho mestre.

-Lorde!? OK, Lorde Ryu, meu nome é Roen! Mas me diga quem deu este titulo a você?- e senta no chão e relaxa, esticando os braços para cima.

-Foi meu mestre, que pôs esse titul... Perai cadê meu mestre? O velhote sumiu,foi muito legal te conhecer, mas tenho que achar meu mestre e ainda fazer o meu teste de espadachim

-Ok! Boa sorte amiguinho! E fique esperto com os buracos e pontes!- aconselho ao jovem aprendiz.

O garoto sai correndo que nem um louco quase esbarra em um noviço de óculos, ao qual pede desculpa,o noviço balança a cabeça e parti em direção aonde esta Roen.

-Ola Roen, Beleza mano!

-Tudo Beleza, Master! Só treinando pra caramba!

-Tô vendo que você tá treinando “pra caramba”. Hehehe!- O noviço acaba sentando no
chão ao lado do amigo, e acaba por deitar no chão e debocha da cara do amigo.

-Tava sim, mano! É que chegou o aprendizinho e troquei umas idéias com ele! Mas cara você ouviu aquele boato de um grande espadachim que destroçou um cavaleiro sanguinário com apenas um golpe?

-Nem, acabei de chegar?!- olhando perplexo- Quem era ele?

- Sei quem é não? Mas serio o cara desintegrou um o pobre monstro!- Enquanto falava, pegava sua espada e fazia um gesto- Só um golpe!

-Pobre monstro ele é barra pesada! Mas mano, imagina treinar com esse cara, hehehe! Aposto quem treinasse seria um grande espadachim!

-Ou acabaria se ferrando, pois garanto que treinar com um mestre desse, num deve ser fácil!

Enquanto os amigos ficam conversando, Ryu para no meio da praça e tenta observar tudo que esta ao seu redor, até que nota o velho mestre saindo de um loja e sai correndo em direção há ele.

-Eai moleque você esta ai, toma pega! – Jogando para ele um poção dourada pequena e um fruto estranho- Isto é um poção da concentração e um fruto de yggdrasil.

-Oba, obrigado! Não precisava!

- A poção pode tomar ela se cair no buraco, mas o fruto de yggdrasil quero que você me traga de volta,ok! Este é meu teste!

-Perai você me da um item e fala para não usá-lo? Então fica com você! – O menino pega o fruto e tenta devolver ao mestre.

-Não seja, tonto! Meu teste é simples mesmo que você esteja para morrer, não use o fruto! Quero testar a sua força de vontade, mais alguma coisa boba para perguntar?- E velho fecha a cara mais um vez.

-Nada não, velhote! – Resmunga virando de costa para o velho.
Neste momento Ryu ouve um grito de dentro da guilda, convocando todos os inscritos no teste para irem fazer a prova de espadachim, Ryu sai disparada, o mais rápido possível. E velho Belzebuul o observa de longe, falando consigo mesmo.

-Vamos ver como você é e como vai ser quando virar um espadachim?

_________________
Clique na assinatura e leia minha fanfic : :
Lorde Ryu e os Dragões Decadentes- A lenda do Jovem dragão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Morty Magnum
Agente Esmero
Agente Esmero
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 730
Idade : 21
Localização : Juno
Data de inscrição : 03/01/2010

MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   Qui 20 Maio 2010, 1:21 pm

Muito legal, quero mais!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Lorde Ryu Yoshinaga -Dragões Decadentes - A Lenda do Jovem Dragão `.´
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Quarta, 27/08/14
» O Longo Inverno - Sessão ???2
» Radio da Semana
» Saiba tudo sobre The Flash

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Role Play :: Fanfics :: Fanfics Lorde Ryu-
Ir para: